Categoria: Dicas para Emagrecer

Você sabia que não é preciso fechar a boca e apostar em dietas malucas e restritivas para perder peso? Há dicas para emagrecer que embora pareçam muito simples, fazem a maior diferença na batalha contra a balança, pode apostar!

Por que não consigo emagrecer?

Por que não consigo emagrecer?

Listamos algumas respostas para quem não consegue emagrecer. Algumas pessoas apenas afirmam “não consigo emagrecer”, e não buscam um motivo ou explicação para isso, desistindo da dieta.

Mesmo que você tenha dado início a uma rotina de exercícios, e esteja escolhendo alimentos mais saudáveis, você pode não estar vendo as alterações na balança do jeito que esperava.

Enquanto há uma abundância de outras realizações saudáveis para comemorar, você provavelmente está se perguntando o que não está funcionando e porquê não consegue emagrecer.

Um ou alguns dos 14 culpados a seguir podem estar atrapalhando suas metas de perda de peso.

Motivos para não estar conseguindo emagrecer

Não consigo emagrecer

1. Você pode estar comendo demais

O corpo não pode lidar com um monte de comida de uma só vez. É vital formar seu prato com porções saudáveis. No almoço e janta, divida mentalmente o seu prato, e utilize uma parte para proteínas, uma para carboidratos, e a outra para legumes e vegetais.

Comer de três em três horas é também muito importante. Portanto, procure fazer de 5 a 6 refeições por dia. É preciso aprender a ouvir o próprio corpo quando ele está cheio, e parar de comer!

Algumas pessoas acham que certos alimentos saudáveis e que ajudam a emagrecer podem ser ingeridos sem limites. Nozes, abacates, macarrão integral, óleo de oliva, e até o chocolate 60% cacau são todos muito saudáveis, mas eles não são isentos de calorias. Lembre-se que não é porque um alimento é tido como saudável que ele deve ser ingerido indiscriminadamente.

Certos alimentos com baixa contagem de calorias podem enganar, já que muitas vezes eles estão cheios de sódio, açúcar ou aditivos químicos extras. Não são apenas as versões light menos nutritivas, mas também muitos deles não garantem boa satisfação, levando-o a comer mais.

2. Mastigar mal os alimentos

É importante mastigar bem os alimentos. Isso irá realmente ajudar na perda de peso e melhorar o desempenho digestivo.

3. Seu fígado pode estar precisando de um detox!

Se além de não conseguir emagrecer, você estiver se sentindo para baixo, cansado e mal-humorado e sua dieta contém álcool, café e açúcar, você precisa dar ao seu corpo uma pausa.

Quando o seu fígado está trabalhando lentamente, ele se esforça para processar substâncias / toxinas / hormônios de forma eficiente, e isso leva à acumulação tóxica, o que irá, inevitavelmente, causar ganho de peso.

4. Pular o café da manhã

Pular o café da manhã pode parecer uma ótima maneira de economizar calorias, mas tenha em mente que as pessoas que tomam café da manhã regularmente perdem mais peso e por isso certifique-se de tomar o café da manhã todos os dias para impulsionar o seu metabolismo.

Não se esqueça de incluir a proteína para garantir energia, e fibras para se sentir satisfeito por horas.

5. Não se exercitar

Este é um outro motivo que contribui para não não conseguir emagrecer.

A musculação é muito útil para aumentar o seu metabolismo. Porém, o hiit é o exercício que não só acelera o metabolismo, como também ajuda a queimar mais calorias e por mais tempo, durante apenas poucos minutos de exercício por dia.

Conheça o hiit, o melhor treinamento para emagrecer e queimar calorias com poucos minutos por dia.

Durante o dia, qualquer caminhada é bem-vinda. Seja parando o carro mais longe e indo o restante do caminho a pé, seja subindo e descendo escadas sempre que possível.

6. Dormir mal

Economizar no sono pode afetar a capacidade do organismo para controlar seu apetite: Não descansar o suficiente aumenta os hormônios estimulantes do apetite.

7. Hormônios em desequilíbrio

Se você está cansado, sofrendo com TPM, ciclos menstruais irregulares, achando difícil perder peso, sentindo-se deprimido ou ansioso, você pode ter um desequilíbrio hormonal.

A melhor opção nesse caso é procurar um nutricionista ou médico, que possa sugerir certos exames que irão confirmar isso para que você possa tomar as medidas adequadas.

8. Não comer legumes

Comer de cinco a sete porções de frutas e vegetais por dia é importante para todos. Mas é claro que isso nem sempre é possível.

De qualquer forma, estes alimentos devem estar presentes no cardápio sempre que possível, e todos os dias.

9. Falta de vitamina D

A falta de vitamina D está associada ao ganho de peso e vários processos metabólicos.

10. Fazer exercícios de estômago vazio

Se você se exercita regularmente e sem comer nada antes, você deveria reconsiderar: Quando você pratica exercícios com o estômago vazio, as calorias queimadas vêm dos músculo, não das gordura.

Visto que a criação de músculos ajuda a queimar mais calorias do que a gordura, quanto mais massa muscular você tiver, melhor para a perda de peso.

Comer um pré-treino não só ajuda a evitar a perda muscular, como você também dará mais energia para fazer os exercícios.

11. Não ingerir gorduras boas

As gorduras boas são importantes para o seu cérebro e para a produção de hormônios, e até para o coração. O corpo realmente usa as gorduras boas e elas vão ajudar a reduzir o colesterol ruim.

12. Cortar grupos alimentares

Excluir grupos alimentares inteiros do cardápio pode levar a uma deficiência nutricional.

Ao invés de eliminar os carboidratos, por exemplo, por que não focar nos grãos integrais, controlando as quantidades? Geralmente são as porções extras que fazem engordar.

13. Não comer o suficiente

Passar fome para economizar calorias para mais tarde não só vai atrapalhar o seu metabolismo, como na hora do jantar esse sentimento provavelmente irá fazer com que você coma mais do que comeria se não estivesse morrendo de fome.

Privar-se não é sustentável para uma perda de peso contínua.

14. Jantar fora frequentemente

Visitar o restaurante favorito é uma ótima maneira de relaxar, mas você está mais propenso a fazer uma enorme refeição, que pode incluir aperitivos, bebidas, alimentos fritos, e sobremesa.

Você pode optar por encomendar refeições saudáveis, como saladas e frango grelhado, e saborear água ao invés de cerveja.

Conclusão

Alguns pontos, embora pareçam ajudar na perda de peso, podem ter a reação contrária, e ocasionar em um ganho de peso.

Este artigo é de grande ajuda para quem acredita que não consegue emagrecer, e que pode estar cometendo alguns erros simples, mas que podem fazer muita diferença. Descobrir o que está fazendo você estacionar os ponteiros da balança vai ajudar com certeza com que você não abandone a dieta e o plano de emagrecimento.

Como emagrecer na crise!

Como emagrecer na crise!

Aprenda como emagrecer na crise, ou seja, gastando pouco dinheiro, ou até sem sofrer qualquer alteração no seu orçamento, podendo este ser até mesmo reduzido.

Dietas da moda e aulas de ginástica com acompanhamento profissional podem fazer você pensar que emagrecer é algo caro. Mas há alternativas realmente baratas.

A idéia de que emagrecer custa caro é um mito. Algumas pessoas preferem acreditar que isso é verdade para tomar como desculpa para não iniciar uma dieta ou um plano alimentar mais saudável, tendo assim que abrir mão das pizzas, chocolates, e demais engordativos.

A decisão de perder peso é altamente emocional. Agora você está olhando para o futuro com um monte de esperanças e expectativas. Você está em uma ótima posição para começar a justificar alguns gastos. Qual o melhor investimento que você pode fazer do que em sua própria saúde? Certamente cada real que você gasta hoje será salvo em recompensas e prêmios de saúde e seguro de vida. Pense em todas as contas médicas que você vai economizar.

como

1. Programas online de exercícios

Exercícios em casa

Inclua os gastos de aptidão física em seu orçamento. É muito fácil justificar os gastos com fitness. Embora seja tão importante para entrar em forma, não é preciso destruir suas finanças em um esforço para entrar em forma.

Você não precisa desembolsar uma taxa mensal na academia para ficar em forma. Antes de se inscrever em uma, pergunte-se se existe uma forma de você praticar exercícios gratuitamente. Opções gratuitas incluem:

  • Caminhada / corrida. A caminhada é um dos exercícios mais simples, baratos e completos! Na verdade, ele pode sair até de graça caso você não opte pela compra de uma esteira ou utilize o aparelho da academia. Basta escolher um parque ou até mesmo um trajeto próximo a sua casa e colocar em prática. Alertamos para que se tome cuidado no momento de escolher o local, evitando locais isolados e com pouco movimento, ou que sejam conhecidos pela periculosidade.
  • Centros comunitários;
  • Sala de ginástica no local de trabalho ou no condomínio residencial.

Há uma série de grandes planos para ficar em forma. A maioria, no entanto, exige equipamento altamente especializado. No entanto, muitas vezes você pode usar os recursos em sua própria casa, como:

  • Latas de tinta ou mantimentos para trabalhar os bíceps. Você pode ainda encher garrafas usadas de areia, arroz ou feijão.
  • Use uma cadeira para trabalhar o tríceps.
  • Flexões podem ser feitas sem qualquer equipamento.

Você não precisa fazer isso pelo resto da sua vida. E se puder e preferir, também pode comprar os pesos em uma loja de equipamentos fitness.

Caso resolva entrar na academia, não faça um plano de longo prazo. No início, você pode pagar de mês em mês, até ter certeza que gosta e irá continuar.

Programas online valem mais a pena!

treinamento intervalado de alta intensidade é uma promessa para quem quer resultados mais rápidos com relação ao emagrecimento.

Se você está cansado de passar horas na academia, ou simplesmente não gosta, ou se você gostaria de obter resultados mais rápidos, com menos tempo de exercícios por dia, clique aqui e conheça um programa de emagrecimento incrível, que exige apenas 15 minutos por dia para alcançar um emagrecimento saudável e definitivo! E sem precisar de qualquer equipamento, podendo ser feito na sua casa, ou onde preferir.

2. Alimentação para perder peso

Prefira cozinhar suas próprias refeições. Ao invés de comprar refeições prontas e caras, que tendem a ser elevadas em calorias e conservantes, compre sua própria comida e prepare em casa.

Com algumas boas receitas e uma lista de compras, você pode fazer suas próprias e deliciosas refeições de baixas calorias. Há estudos que comprovam que planejar suas refeições para o dia todo, realmente ajuda a perder peso. Alimentos ricos em fibras, como frutas e verduras, e como feijão e grãos inteiros, ajudam a mantê-lo cheio e satisfeito por mais tempo, e são uma alternativa mais barata e mais saudável às proteínas não tão magras e aos grãos mais processados.

Faça seu próprio pacote de lanches de 100 calorias

Você pode separar de forma simples porções individuais de seus petiscos favoritos e saudáveis, como bolachas integrais, nozes, maçã, amêndoas, etc.

Embale estes lanches em recipientes reutilizáveis ou pequenos sacos zip-top.

A pipoca caseira pode ser uma ótima opção de lanche aqui também. As sementes da pipoca não custam caro, e você pode fazer até no micro-ondas, mas lembre-se de utilizar um recipiente apropriado. Coloque apenas 2 colheres de sopa de grãos de pipoca. Você pode usar uma pipoqueira de microondas, ou um saco de papel marrom, aqueles de pão. Se escolher esta opção, dobre várias vezes o saco para ficar bem fechado, e leve ao microondas por cerca de 5 minutos (ou menos, é só esperar até ouvir os estalos começarem a ficar menos frequentes). Três xícaras de pipoca contém 3 gramas de fibra e apenas 105 calorias, desde que você não adicione manteiga ou outros extras do tipo!

Tenha controle de tudo o que comer

Estudos mostram que escrever tudo que você come ajuda a perder mais peso. Você pode usar um caderno e lápis, uma agenda, um arquivo no computador, ou experimentar um dos muitos aplicativos de anotações para celular! A chave é escrever todos os dias tudo que você comer.

Isso o tornará mais consciente do que você está comendo, e te ajudará a controlar aqueles lanches sem sentido, que você procura fazer apenas por gula e não por necessidade.

Aposte nos vegetais

Os vegetais são ótimos para a perda de peso. Eles são baixos em calorias e ricos em água e fibras, duas coisas que o manterão satisfeito. Você pode até economizar dinheiro comprando aqueles que estão na época.

Legumes congelados podem ser um grande negócio. O congelamento preserva os nutrientes, e ajudam que você não desperdice comida.

As folhas verdes incluem couve, espinafre, acelga, alface, escarola, entre outras que você pode usar. Eles contem diversas propriedades que os tornam perfeitos em uma dieta para emagrecer.

Comer verduras é uma ótima maneira de aumentar o volume de suas refeições, sem aumentar as calorias.

Comer menos

Sim, claro, comer menos leva à perda de peso e redução de custos, especialmente se você cortar nas coisas certas.

Comece cortando suas porções de carnes caras, assim como os peixes e aves mais caros, e prefira os mais baratos. Uma porção ao dia é o suficiente, de um bife do tamanho da palma de sua mão.

As carnes também podem ser substituídas por outras proteínas vegetarianas mais baratas, como feijão, lentilha, tofu e ovos. E se você costuma levar marmita, coma metade de um prato principal e guarde a outra metade para o almoço do dia seguinte. Essa é uma maneira fácil de esticar o seu orçamento e talhar sua cintura.

Guloseimas como incentivo?

Ter um incentivo para alcançar seus objetivos de perda de peso pode certamente ser motivador, mas esses incentivos não precisam envolver doces e guloseimas.

Procure por alimentos que emagrecem

Alguns alimentos em específico vão te ajudar mais no processo de emagrecimento, seja por serem pobres em calorias, ou por conterem propriedades específicas que promovem a perda de peso, como a chia, o hibisco, a linhaça entre outros.

Vá as compras

A maioria dos nossos gastos é baseado no que temos a certeza que precisaremos no futuro.

Pense, por exemplo, sobre uma nova roupa de exercício. Quando você começar seu plano de fitness que provavelmente irá iniciar com uma caminhada casual, você realmente precisa de uma camisa de R$100,00 para caminhar e suá-la toda?

Compre apenas os itens mínimos, básicos e mais necessários no início, de uma vez, para não adiar o início das atividades.

Unidos na dieta

Um dos recursos mais poderosos que você tem para ajudar no emagrecimento é manter uma rede de amigos com o mesmo objetivo.

Encontre um amigo que também está tentando emagrecer, e que queira participar de uma ajuda mútua com você, em que um passa dicas para o outro, incentivos, e informações em torno de como emagrecer.

Um estudo de 2011 descobriu que, quando colegas foram colocados em dois grupos e competiram juntos pela maior perda de peso, eles perderam mais peso do que as pessoas que seguiram um plano de perda de peso sozinhos.

Conclusão

Realmente, emagrecer não é caro, muito pelo contrário! Pode ser muito mais barato do que se imagina no começo, principalmente se houver uma vontade inconsciente de não abandonar os doces, os fast foods, ou todos os outros engordativos.

Preparar lanches e refeições mais saudáveis e menos calóricas, não é difícil. Basta um pouco de boa vontade para mudar os hábitos antigos, e correr atrás da meta de emagrecimento.

Apostar em um programa de emagrecimento online é sem dúvida muito mais vantajoso do que ir para a academia. Além de proporcionar uma queima calórica mais rápida, estes programas fazem isso exigindo muito menos do seu tempo. Clique aqui para saber mais.

Referência: Monitor

10 Dicas para Começar na Academia Sem Traumas!

10 Dicas para Começar na Academia Sem Traumas!

Receba dicas valiosas para você começar na academia sem traumas. O conhecimento garante mais confiança e por isso, se você fizer dos itens 1 ao 9 destas dicas, com certeza o início na academia será um sucesso para você.

Muita gente procrastina o primeiro dia na academia por medo, vergonha, ou até mesmo por não saber o que exatamente irá fazer lá.

Por isso selecionamos dicas de academia que se encaixarão perfeitamente para você que está começando, e com certeza conseguirá dar o primeiro passo após ler este artigo.

Dicas para Iniciantes na Academia

Academia

1. Tenha um plano

A melhor forma de desperdiçar seu tempo na academia é chegar lá sem um plano. Ficar dando voltas e testando exercícios aleatoriamente sem nenhuma ordem particular, ou simplesmente andar sem rumo. Não ter um plano é uma forma de perder tempo, dinheiro, e ainda se frustrar quando perceber que não está realizando nada daquilo que você se propôs em primeiro lugar.

Gostaria de fazer cardio? Aeróbio? Musculação? Ambos? Que exercícios especificamente você vai fazer para conseguir seu objetivo?

Que grupos musculares você deve trabalhar? Você vai se concentrar em exercícios para construição de músculos ou para queimar gordura? Ou ambos? Saiba o que cada exercício promove, quantas séries, e até mesmo o número de repetições que você vai fazer. Seja específico!

Você pode fazer download de aplicativos em seu telefone celular que fornecem informações úteis. Esses aplicativos também irão poupar tempo, ajudar a controlar o seu peso e outras estatísticas, e até mesmo os períodos de descanso necessários entre uma série e outra. (Sim, isso é o que todo mundo está fazendo com os celulares na mão na academia – Ok, a maioria deles, é claro que um ou outro realmente está apenas trocando mensagens de texto e postando fotos de seus abdomêns nas redes sociais…).

Se for possível, considere trabalhar com um treinador de tempos em tempos ao menos, para garantir que você utilize a técnica adequada. Mas seja como for, nunca inicie a academia sem um plano.

2. Comece pelo básico

Para muitos iniciantes, a parte considerada mais difícil é não saber o que fazer quando chegar lá na academia (e muitas vezes o medo ou a vergonha acabam vindo junto com a falta de conhecimento).

Talvez você não saiba como usar todos os equipamentos, o peso que você pode levantar, ou qual a forma apropriada de executar um determinado exercício.

Você pode começar pulando cordas? Se é uma opção que você pode considerar, tente pelo menos uma ou duas sessões curtas com um treinador. Deixe o seu treinador saiber que o seu objetivo é ser introduzida a todos os equipamentos e aprender a usá-lo corretamente. Você ficará surpreso com o quão rápido você vai aprender e se acostumar com todos os exercícios.

Se um treinador não é uma opção, utilizar livros ou a internet para ler sobre os diferentes tipos de exercícios é uma boa.

Veja também: O Treino De Solange Frazão

Conhecer os conceitos básicos antes de começar vai fazer com que você aumente sua confiança, e se mantenha seguro e saudável.

3. Aposte em qualidade e não em quantidade

O segundo erro mais comum que muitos frequentadores iniciantes da academia cometem é, além de não ter um plano, gastar tempo demais lá.

Espere, o que?! Sim, há uma grande diferença entre se exercitar com qualidade, e com quantidade. Há opções mais rápidas e inteligentes de exercícios que você deve conhecer, como o Corpo de 21 e o Queima de 48 Horas.

Um treino bem planejado de 30 a 45-min é muito melhor do que uma hora caminhando. Da mesma forma como 20 a 30 minutos de treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) muito mais eficaz do que 45 a 60 minutos a um ritmo constante na esteira, e ainda pode ser feito em casa, sem o auxílio de equipamentos:

Saiba mais sobre o treinamento HIIT para maximizar os seus resultados.

4. Boas Práticas Comportamentais

Pergunte antes de usar

Antes de começar em um equipamento, dê uma olhada rápida para ver se alguém já está usando. Se alguém está perto de uma máquina, tomando um gole de água, você pode usá-lo? Se há pessoas fazendo flexões ao lado da máquina, você pode usá-la?

A resposta simples para ser amigável, é sempre perguntar. Muitos frequentadores de academia usam uma máquina para um conjunto de exerícios e alternam os equipamentos entre as séries. Algumas pessoas também fazer o que é chamado de “super set”, onde eles executam dois exercícios consecutivos. É sempre educado perguntar se alguém está prestes a usar aquele equipamento.

Também é ok revesar e trabalhar em conjunto.

Sempre limpar depois de usar o equipamento

Procure utilizar uma toalhinha ou paninho para limpar o suor que fica no equipamento após utilizá-lo. Geralmente há um pano e álcool nas academias para a limpeza das máquinas. Afinal, ninguém sentar-se em suor alheio.

Não vamos esquecer também de colocar de volta os pesos no lugar certo. Se você estiver usando uma máquina, também é uma ótima idéia redefinir os pesos de volta ao 0.

Exercite, não socialize

Um bate papo alto pode não só irritar as pessoas próximas que estão tentando se concentrar, mas também pode fazer com que você passe mais tempo do que o necessário naquele equipamento. Então, evite monopolizar qualquer área por mais tempo que o necessário.

Não ande entre pessoas se exercitando e o espelho

Sempre procure andar atrás daqueles em pé na frente do espelho se exercitando. Isso pode tirar a concentração, ou atrapalhar um colega que está acompanhando a execução do movimento no espelho.

5. Leve sua mochila/saco

Leve uma mochilinha para a academia com a sua toalhinha, uma garrafa de água, seu telefone celular, e laços para cabelos. Utilize um armário para deixar guardado e tornar o seu tempo na academia mais confortável.

Se você não for usar aplicativos ou seu celular para acompanhar detalhes do seu treino, deixe guardado no armário para evitar distrações. Você não vai querer começar o treino do zero cada vez que você for na academia, por isso manter o controle de seus pesos, repetições e exercícios fará com que você ganhe tempo.

6. Pense além da academia

Apostar em cardio é uma ótima opção para iniciantes, sedentários ou pessoas que não gostam de exercícios, e depois de se acostumar e criar este hábito, será mais fácil começar a frequentar a academia.

E mesmo depois de começar a musculação é possível continuar fazendo cardio, principalmente se for algo que te dê prazer ou que seu treinador indique.

7. Aceite seus limites

Na academia existem os iniciantes, os intermediários e os avançados. Se você acabou de começar, aceite que você não pode pular etapas, e não faça os exercícios com peso elevado. Uma boa forma de saber se você está exagerando, é perceber se você consegue realizar ao menos 8 repetições perfeitas do exercício com aquele peso. Se você não aguentar nem ao menos 8 repetições, e seu músculo já começar a falhar, significa que está exagerando e deve diminuir o peso.

Algumas pessoas podem aguentar muito mais peso do que você, mas ela provavelmente já treina há mais tempo, e já tem o corpo melhor condicionado para aguentar aquela carga. E portanto isso não deve servir de base, você deve ir aumentando o peso aos poucos até mesmo para evitar causar alguns problemas no seu corpo.

8. Vista-se para o sucesso

Eu sei o que você está pensando, “Sério? Eu não preciso comprar uma roupa nova para ser bem sucedido na academia! “Não, não, você não precisa. Mas vestindo as calças de moletom largas, provavelmente não vai fazer você se sentir muito motivado.

Estudos comprovam que vestir-se melhor, com sua cor favorita, ou roupas apropriadas para a tarefa afeta no comportamento e no sucesso no desempenho das atividades!

Sentir-se bem no que você veste para a academia ajuda você a chegar lá, ou ao menos irá motivá-lo durante o treino.

Você não precisa comprar várias roupas caras. Apenas algumas peças confortáveis, apropriadas e que façam você se sentir bem.

9. Suplementos e pré e pós-treino

Para quem está apenas começando, não é necessário suplementar. Portanto, procure apostar em lanches pré e pós-treino para garantir um melhor rendimento nos seus treinos visando bons resultados.

E com o tempo você pode apostar em suplementos que também ajudarão na manutenção e na garantia de bons resultados.

Ver também: Como escolher o whey protein.

10. Não se preocupe com o que os outros pensam

Um grande medo de muitas pessoas, principalmente quando estão acima do peso, é sobre o que os outros vão pensar quando olharem para você, e que tipo de julgamentos você pode atrair.

Primeiro de tudo, relaxe! 90% das pessoas que você teme provavelmente está pensando a mesma coisa sobre você. O engraçado é que, quando você aprender a treinar corretamente; você vai perceber que a maioria dessas pessoas que te fizeram sentir intimidado provavelmente não está nem aí!

Se você fizer os itens do 1 ao 9 desta lista, não há razão para temer a academia ou o julgamento dos outros. Você já está armado com o conhecimento que precisa para adquirir a confidencialmente para os primeiros passos no mundo da aptidão física, e ter uma primeira experiência sem traumas!

Conhecimento é algo que deve ser repassado. Que tal compartilhar estas dicas com seus amigos?

Diettogo

Como consumir a Vitamina E

Como consumir a Vitamina E

A dose diária de vitamina E varia de acordo com a idade e o sexo de cada um. O nutriente tem poder antioxidante e é também muito usado para prevenir o câncer de próstata.

O Conselho Nacional de Investigação dos Estados Unidos da América afirma que o recomendado é que um homem adulto ingira em média 20 mg da vitamina, mas algumas instituições indicam um valor menor de consumo. Já nas grávidas esse número pode ultrapassar os 30 mg (já que previne a pré-eclâmpsia).

Emagrecer com vitamina E

Já o Institute of Medicine of The National Academies revela que a quantidade de vitamina E recomendada para bebês de até 6 meses é de 4 mg por dia. De 7 a 12 meses o ideal é que o consumo suba para 5 mg, e para crianças de 1 a 3 anos o ideal são 6 mg.

Entre os 4 e 8 anos, o ideal é o consumo de 7mg de vitamina E diariamente, e a quantidade se eleva para 11 mg quando as crianças tem de 9 a 13 anos. Adolescentes e adultos devem consumir 15 mg, já as lactantes devem ter um consumo de 19 mg por dia.

A vitamina E e o emagrecimento

A vitamina E trabalha em conjunto com a vitamina K na hora de produzir células essenciais para a saúde e criação dos músculos, as células vermelhas do sangue. Essa função permite que a criação de massa magra seja mais eficiente e quanto mais músculos no corpo, maior é a queima calórica.

Leia também: Como Emagrecer Com Vitaminas.

No entanto é preciso que uma rotina diária de exercícios físicos seja implantada por quem quer perder peso, já que só assim a construção muscular aumenta.

Essa vitamina também tem uma importante ação antioxidante, que combate os radicais livres no organismo, prevenindo também a degeneração das células e reduzindo os riscos de doenças degenerativas e enfermidades cardiovasculares.

A ação antioxidante nas células também previne inflamações que podem acontecer no nosso organismo, e que podem acabar com o processo de emagrecimento, causando até mesmo a retenção de líquidos.

Benefícios da vitamina E

O The New England Journal of Medicine publicou um estudo que mostra que a vitamina E, tanto em mulheres quanto em homens de meia idade, conseguem ter uma redução significativa no desenvolvimento de doenças coronárias.

Além disso, alguns especialistas também afirmam que essa vitamina é importante para a saúde do coração já que melhora toda a função cardíaca ao relaxar os vasos sanguíneos, fazendo assim com que a formação de substâncias que podem obstruir o caminho seja menor.

Já na prevenção do câncer de próstata, uma pesquisa publicada no The National Câncer Institute demonstrou que homens que são fumantes e usam a suplementação de vitamina E conseguem ter resultados mais satisfatórios no quesito prevenção.

A vitamina E também é usada na prevenção da doença de Alzheimer, degeneração da mácula e também da Esclerose Lateral Amiotrófica.

Onde encontrar a vitamina E

As fontes de vitamina E são normalmente os óleos, mas alguns alimentos também podem fazer parte da dieta de quem quer aumentar as doses dessa substância. Além disso, é possível também encontrar alguns tipos ativos de vitamina E, como de alfa-tocoferol.

Entre os alimentos com boa concentração de vitamina E estão a semente de girassol (torrada ou seca), o óleo de gérmen de trigo, óleo de girassol, óleo de cártamo, amêndoa seca e torrada, amendoim que também pode ser torrado ou seco, e também a avelã.

Já os suplementos de vitamina E só podem ser consumidos com orientação médica, já que o excesso dessa vitamina pode enfraquecer os ossos. Isso porque a produção de osteoclastos aumenta. Por isso, consulte sempre um médico e faça um check up regularmente.

Dicas De Refeições Leves Com Receitas

Dicas De Refeições Leves Com Receitas

Muita gente afirma que as refeições leves ficam de fora de seus cardápios por conta da correria do dia-a-dia, e também pela falta de tempo em conseguir se empenhar em um prato mais elaborado.

Isso acontece também porque muita gente acredita que as refeições mais leves são apenas aqueles pratos de salada com uma fonte de proteína magra. No entanto, nem todas as refeições saudáveis necessitam de um longo tempo de preparo, apenas folhas ou até mesmo de um longo período de dedicação.

Refeições leves
Mais a seguir você descobrirá como o sorvete também pode compor uma refeição leve

Por isso, trocar as refeições leves por comidas mais rápidas como congelados e fast food não são as opções certas para uma pessoa que busca uma alimentação mais saudável e equilibrada.

Foi pensando nessa dificuldade em preparar este tipo de refeição, e que seja saborosa, e também na quantidade de calorias que um fast food possui, que listamos algumas opções de refeições leves, práticas e rápidas de fazer, e que irão encher seu cardápio de nutrientes e poucas calorias.

Como Escolher Refeições Leves?

Para acabar de vez com a idéia de que refeições leves são apenas sopas e saladas, decidimos dar algumas dicas valiosas para quem quer manter ou conquistar uma boa forma, mas sem se sentir desmotivada ou até mesmo cansada de comer sempre os mesmos alimentos.

Café Da Manhã

No café da manhã você pode ter uma refeição leve e saudável com uma panqueca de aveia e banana.

Basta misturar em uma tigela 1 xícara de farinha de aveia integral, 2 colheres de chá de fermento em pó e 1 colher de café de bicarbonato de sódio. Depois, una à mistura uma banana média madura esmagada, 1 pote de iogurte natural, 1 ovo e 2 colheres de sopa de mel ou geléia de arroz.

Misture tudo e leve para uma frigideira antiaderente e a vire dos dois lados para dourar.

Panqueca
Para o café da manhã, aposte em panquecas com farinha de aveia integral

Veja também os Top 18 Alimentos Para O Café Da Manhã.

Almoço e Jantar

Já nos pratos principais, como o almoço e o jantar, o famoso frango pode ser recheado e cheio de sabor, e ainda assim compor refeições leves.

Para isso, pegue o filé de frango que você está acostumado a comer grelhado e o abra ao meio como um pão. Recheie com o que preferir, pode ser ricota, orégano e peito de peru, queijo cottage com manjericão, tomate com cebola… você quem escolhe.

Depois, feche os dois lados do filé com um palito de dente, e o sele na frigideira dos dois lados, apenas para ganhar cor. Transfira os filés para uma assadeira, e o cubra com molho de tomate ou até mesmo um molho branco light. Coloque para assar por vinte minutos e ele estará pronto para ser saboreado.

Sobremesas Também Podem Ser Leves

Na hora de atacar um doce acabamos nos sentindo culpadas e até mesmo desistimos da alimentação saudável. Mas o que muita gente não sabe é que é possível realizar uma sobremesa leve e que não comprometa sua dieta, como um sorvete funcional de frutas.

A receita leva apenas 2 bananas pratas, 1 manga e 2 polpas de maracujá. Para fazer a sobremesa, é preciso picar as bananas em rodelas e levá-las para o freezer por pelo menos 2 horas, assim como a manga madura cortada em cubos e a polpa do maracujá, já batida e peneirada.

Depois desse tempo, leve tudo para o liquidificador e coloque de uma a duas colheres de sopa de água filtrada, mas apenas se a mistura ficar difícil de bater. Para incrementar a receita, você ainda pode torrar as sementes de maracujá que não usou no sorvete, triturá-las com a ajuda de um pano e o cabo de um martelo de carne, e polvilhar por cima do sorvete.

Isso dará uma crocância ao prato, e também ajudará a manter o sorvete menos doce. A receita rende de 5 a seis porções e é pobre em calorias e rica em vitaminas.

Siga estas dicas de refeições leves, e caso queira mudar o cardápio, acompanhe a categoria de receitas light, e aprenda centenas de refeições leves, saudáveis, e muito saborosas.

5 Dicas Para Emagrecer: Curtas E Fáceis

5 Dicas Para Emagrecer: Curtas E Fáceis

Siga estas cinco dicas para emagrecer que, apesar de curtas e super simples, vão certamente ajudar com que sua perda de peso aconteça de forma mais rápida e natural.

Perder peso pode ser mais fácil para uns, mas para outros pode ser uma missão bastante complicada. Procure obter o máximo de informações e apoio que você puder, e com certeza, com disciplina, você conseguirá alcançar o que almeja.

Dicas Para Emagrecer

Dica 1: Motive-se

A primeira dica para emagrecer é para que você procure se ajudar. Muitas pessoas perdem bastante tempo dedicando-se em reclamar do quanto estão comendo, mas o problema é não tomar uma ação contra isso.

Dicas para emagrecer

Se você for encorajador e solidário consigo mesmo, assim como você seria para uma criança aprendendo a andar, você vai se livrar do peso de forma muito mais fácil – e um efeito colateral disso é que você vai se sentir muito melhor sobre sua auto imagem.

Da próxima vez que você estiver prestes a deslizar em sua dieta, apenas pare, respire fundo e lembre-se que você está fazendo um ótimo trabalho, e que você não quer perder todo o esforço que já investiu nisso. Você vai notar uma diferença muito rapidamente.

Dica 2: Obtenha Suporte

Esta é uma das dicas para emagrecer que mais requer cautela.

Se você está tentando perder peso e as pessoas ao seu redor não são favoráveis, ​​ou não incentivam, a luta será mais difícil. Encontre-se com um amigo que tenha os mesmos objetivos de perda de peso, e conviva mais com ele. O apoio que um pode dar ao outro ajudará a alcançar o sucesso.

Dica 3: Defina metas

Quanto peso você deseja perder? 5 kg? 20kg? Mais? Menos? O que geralmente acontece é a pessoa dizer que quer se livrar de algum peso, mas nunca define o quanto exatamente.

Se você não definir metas de peso, então você não vai saber para onde você está indo. Decida exatamente o quanto peso você deseja perder, e quando você quer se livrar dele. Defina metas específicas.

Dica 4: Conte a um amigo

Informe um amigo sobre suas metas de peso. Diga o que você pretende conseguir e quando você vai conseguir. Diga o que você vai fazer e o que você não deverá fazer para alcançar o seu objetivo.

Dica 5: Não misture carboidratos e proteínas

Misturar carboidratos e proteínas na mesma refeição pode afetar sua digestão e impactar suas metas de perda de peso. Tente garantir que as suas refeições serão balanceadas – por exemplo: uma refeição de proteínas, depois uma de carboidratos, mas tente evitar os dois juntos. Você vai notar uma grande diferença em como você irá se sentir.

Estas cinco simples dicas para emagrecer irão ajudá-lo a tirar o máximo de proveito de seu programa de controle de peso, e a chegar ao peso ideal mais rápido.

Carboidrato A Noite, Pode Ou Não?

Carboidrato A Noite, Pode Ou Não?

Preciso perder peso, posso comer carboidrato a noite? Se hoje existe um grupo alimentar tido como o vilão da boa forma e do emagrecimento, esse é o carboidrato.

Cortados de muitas dietas e tidos como proibidos nas refeições noturnas, eles geram dúvidas e fazem com que muita gente se pergunte se deve ou não acreditar na lenda que diz que os carboidratos engordam quando consumidos após as 18 horas.

Carboidratos

A verdade é que essa afirmação é errônea, um mito. Ao contrário do que muita gente pensa, cortar um alimento da sua dieta sem a menor necessidade pode, inclusive, atrapalhar a perda de peso, além de trazer uma série de outros problemas, principalmente quando esse corte ocorre no período que antecede o descanso.

O Que Diz A Ciência Sobre Ingestão Do Carboidrato A Noite

Não existe nenhum estudo ou comprovação científica de que ingerir carboidrato a noite faça mal à saúde ou prejudique o processo de emagrecimento. Também não existe nenhum estudo que mostre que o carboidrato engorda mais do que a proteína, ou até mesmo a gordura.

Mas por que então o carboidrato se tornou o vilão de tantas dietas e programas de alimentação saudável?

A resposta pode estar nas dietas da moda, que normalmente cortam o grupo alimentar das dietas e também na idéia errônea de que um prato de carboidrato tem mais calorias do que um prato de carne, por exemplo.

Veja também como funciona a dieta do carboidrato.

A verdade é que se essa carne não for magra, estiver temperada com muita gordura ou até mesmo estiver muito salgada, ela fará mais mal a sua saúde do que uma porção simples de massa.

Outro ponto importante está no fato de que ao dormir, nosso metabolismo tende a desacelerar. Fato que acaba sendo associado a uma certa dificuldade de queima e absorção do carboidrato a noite.

Pensando em analisar melhor todas essas características atribuídas ao consumo de carboidratos a noite, um grupo de especialistas decidiu que era hora de pesquisar mais sobre o assunto. O estudo foi realizado por cientistas da Universidade Hebraica de Jerusalém, situada em Israel, e trouxe revelações importantes para quem está querendo emagrecer, mas não sabe se o carboidrato a noite é um aliado ou um “inimigo”.

Estudo carboidrato a noite

O resultado divulgado pelos especialistas foi de que comer carboidrato a noite não está ligado ao ganho de peso. E que o aumento dos números na balança pode apenas ser associado ao sedentarismo, qualidade da alimentação, problemas de saúde e também ao exagero de alguns alimentos durante toda a rotina diária de alimentação.

Durante o período do estudo foram acompanhados cerca de 78 voluntários, que estavam seguindo uma rotina alimentar de 1.500 calorias diárias. Os grupos alimentares estavam divididos entre 30 e 35% de gorduras, 20% de proteína e de 45 a 50% de carboidratos.

Comer carboidrato a noite engorda?

Os voluntários foram divididos em dois grupos de 36 pessoas:

  • O grupo I consumia toda a cota de carboidratos somente durante o dia;
  • Já os voluntários do grupo II deveriam fazer a ingestão de carboidratos também a noite.

Ao final do estudo, 6 meses depois, os voluntários dos dois grupos tinham eliminado 10 quilos.

Porém, a taxa de leptina verificada entre os participantes dos dois grupos foi um pouco diferente. A leptina é um hormônio que age no sistema nervoso central, e que ajuda a controlar o apetite.

O Grupo II, que consumiu carboidrato a noite teve taxas maiores do hormônio em comparação ao grupo que podia comer o alimento durante todo o dia. Este grupo ainda teve maiores concentrações de grelina e adipectia. O primeiro hormônio promove o apetite, e o segundo é o responsável por evitar que a gordura seja depositada em nossas artérias, além de ter ação anti-inflamatória e efeito direto na insulina.

Com isso, concluiu-se que o consumo de carboidrato durante a noite não atrapalha a dieta e ainda pode ser um verdadeiro aliado durante todo o processo de emagrecimento. Por isso, o ideal é ter uma alimentação equilibrada, e o grupo alimentar em uma proporção de 50 e 60% do consumo total diário.

4 Dicas Para Emagrecer Rápido

4 Dicas Para Emagrecer Rápido

Sabia que é possível seguir quatro valiosas dicas para emagrecer rápido? Afinal, perder peso é algo que demanda tempo, paciência e muito esforço.

Estas dicas farão com que você perca medidas de forma mais rápida e eficiente, encurtando e potencializando o tempo que gastará para eliminar aqueles terríveis quilinhos extras.

Elas ainda te ajudarão a voltar àquele vestido que deixou de servir, ou até mesmo entrar naquela calça jeans que não veste faz tempo.

Dicas Para Emagrecer Rápido

Emagrecer rápido

1. Corte As Massas E Carboidratos Brancos

Uma das dicas para emagrecer rápido mais eficientes estão no cardápio, principalmente nos carboidratos brancos. Eles são carboidratos de rápida absorção, e costumam deixar nossos corpos mais inchados. Ao cortar esses alimentos por um tempo, você desincha e também deixa de ingerir altas doses de calorias por refeições.

Por serem de rápida absorção, esse grupo alimentar acaba sendo digerido de forma rápida, pode mexer com seu índice glicêmico e fazer com que você sinta mais vontade de comer doces, e até ter ainda mais apetite.

Para driblar esse problema e conseguir acelerar o processo de perda de silhueta, insira em seu cardápio os grãos integrais. Eles não incham, te dão mais saciedade e ainda ajudam a regular o intestino.

2. Utilize o Treinamento Intervalado de Alta Intensidade

Quando falamos de exercícios, uma das dicas para emagrecer rápido mais eficazes são os HIIT. Sigla em inglês de high intensity interval training, ou Treinamento Intervalado de Alta Intensidade,é utilizado para acelerar o seu metabolismo, fazendo assim com que seu coração seja mais utilizado e permitindo que a queima calórica seja maior do que os de exercícios simples e aeróbicos.

O HIIT nada mais é do que o ato de realizar um exercício físico, em curtos espaços de tempo e da forma mais intensa possível, intercalados com períodos de exercícios leves e descanso.

Hiit

Com isso, é possível que você potencialize o seu emagrecimento, perdendo em apenas 20 minutos o que perderia em uma caminhada moderada de 1 hora, por exemplo. Isso porque essa alteração de intensidade faz com que o metabolismo da glicose seja feito, além de permitir que a gordura seja queimada de forma mais rápida.

O melhor é que você pode usar  HIIT em sua aula de dança, caminhada, corrida, aula de yoga, musculação e até mesmo quando limpa sua casa, tudo com muita disciplina e algumas dicas como:

  • Realize o HIIT pelo menos 3 vezes na semana
  • Nunca ultrapasse 30 minutos de exercício
  • Durante os intervalos de alta intensidade, tente chegar o mais longe que precisa.

O melhor é que você pode acessar estes treinamentos, formulados por profissionais de educação física na sua casa, através da internet:

  • Corpo de 21 (clique para conhecer): Exclusivo para mulheres, formulado por uma especialista em pilates, que utiliza os treinos intervalados de alta intensidade com exercícios do pilates, para emagrecer com apenas 21 minutos de exercício por dia.
  • Queima de 48 Horas (clique para conhecer): Este pode ser praticado tanto por homens quanto por mulheres. Bastante famoso, já tem uma história de centenas de pessoas que já perderam bastante peso com o método, treinando em casa com o programa completo formulado pelo renomado personal trainer Vinícius Possebon.
  • Treino Hiit 12 Semanas (clique para conhecer): Também podendo ser praticado tanto por homens quanto por mulheres, o Hiit 12 Semanas é um programa de emagrecimento formulado pelo personal trainer Raphael Capel. O método é o mesmo: ele utiliza o treinamento intervalado de alta intensidade.

3. Beba Mais De 2 Litros De Água Por Dia

Não há nada mais benéfico e importante para o nosso organismo do que a água. Ela não possui carboidratos e nem sódio, ainda ajuda no funcionamento do seu organismo, rins e também na disposição.

Com o organismo funcionando de forma plena, a absorção de nutrientes é melhor, e o seu metabolismo fica ainda mais acelerado do que o de uma pessoa que não bebe uma boa quantidade de água por dia.

4. Evite Alimentos Mais Calóricos

Pode ser o bolo da tarde, o chocolate com café ou até mesmo aquele refrigerante que te chama em um dia quente. Esses alimentos são ricos em açúcar, elevam seu índice glicêmico, dão ainda mais fome e em alguns casos ainda lhe ajudam a reter líquidos.

Por esse motivo, tenha em mente que cortar esses alimentos por um tempo do seu cardápio fará com que seu organismo fique “limpo” possibilitando a queima calórica mais ativa, eliminando de forma eficiente as gorduras e ainda fazendo com que o número de calorias ingeridas diariamente seja bem menor do que você está acostumado. E nós sabemos que para emagrecer é preciso gastar mais calorias do que ingerimos!

A mais importantes das dicas para emagrecer rápido é sem dúvidas seguir o treinamento intervalado de alta intensidade (hiit), se você quiser fazer menos exercícios e queimar mais calorias.

Quer mais dicas? Acesse a categoria Dicas para Emagrecer do nosso site, e conheça todos os truques e alimentos essenciais para acelerar o seu processo de emagrecimento.

O Que Fazer Para Emagrecer

O Que Fazer Para Emagrecer

O que fazer para emagrecer? Começar um programa de emagrecimento, uma dieta, ou fazer caminhada?

Para emagrecer é preciso mudar a alimentação e inserir uma rotina de atividades físicas em seu dia a dia.

O problema é que, apesar de essas serem mudanças importantes para todo o processo de perda de peso, existem mais uma série de coisas necessárias para responder de forma correta o que deve ser feito para emagrecer.

Pensando nisso, vamos listar abaixo tudo o que é preciso fazer para alcançar um emagrecimento saudável, e conseguir eliminar seu peso de forma efetiva.

O Que Fazer Para Emagrecer Definitivamente

Dicas para emagrecer

Aposte Em Um Programa De Emagrecimento

Com um programa de emagrecimento você terá o apoio necessário para uma perda de peso efetiva, sem perder tempo procurando por dietas ou exercícios aleatórios, ou, o que é pior, passar horas em uma esteira que não garantirá uma perda de peso mais rápida e efetiva, como os programas garantem.

O Sistema Queima de 48 Horas é um deles. Formulado pelo personal trainer e expert em exercícios voltados para a queima de gordura, Vinicius Possebon, o Queima de 48 Horas é um programa de emagrecimento no qual você aprende como se exercitar poucos minutos por dia, mas de forma intensa, fazendo com que assim você queime muito mais gordura do que dançando ou caminhando, por exemplo. Pode ser praticado tanto por homens, quanto por mulheres. Clique aqui para saber mais.

O Corpo de 21 é outro programa para se exercitar poucos minutos, e garantir uma perda de peso efetiva em menos tempo. Mas este é voltado exclusivamente para mulheres. Clique para conhecer.

Tenha Um Planejamento

Pode parecer besteira, mas um planejamento te ajudará a não cair em tentação, e passar pelo processo de emagrecimento de forma mais consciente e efetiva.

Para isso, é preciso que você planeje toda a sua alimentação do dia e, se possível, deixe tudo pronto. Assim, você evita comer besteiras quando a fome aparecer, e deixa de usar a falta de tempo como desculpa para não preparar uma alimentação mais saudável.

Não Faça Cortes Radicais

O corte rígido de um ou outro grupo alimentar fará com que você tenha mais chances de ter uma recaída. Seu organismo, que já está acostumado com tais alimentos, começará a sentir falta ddeles, e você sentirá cada vez mais vontade de comer aquilo.

Por isso, tenha em mente que é preciso reduzir gradualmente os alimentos, até mesmo os que causam mais danos e por isso viciam mais. Por exemplo, coma aquilo que você gosta, mas que não é aconselhável para um plano alimentar de perda de peso, uma vez na semana, e depois reduza o tempo para uma vez a cada 15 dias, uma vez por mês e por aí vai. Com isso, chegará uma hora que seu corpo não sentirá mais falta do alimento, e você não irá sofrer tanto para deixá-lo de lado.

Beba muita água

Mais um item que não pode faltar na lista quando pensamos “o que fazer para emagrecer” é a hidratação.

Isso porque o organismo que está desidratado não funciona bem, e com isso, o seu intestino também falha e o processo de emagrecimento começa a ter menos resultados, até chegar a hora em que a retenção de líquidos e outros fatores, como o aumento de gordura, farão os ponteiros da balança subirem mais do que você gostaria.

Tenha lanches saudáveis em mãos

Aqui o processo é mais simples do que imaginamos. Para saber o que fazer para emagrecer é preciso ter em mente que sua alimentação é a prioridade. Por isso, escolha alimentos pouco calóricos e que possam potencializar o seu processo de perda de peso. Separe-os, e os deixe sempre na bolsa e nos armários, para evita que você caia em tentação.

Exercícios

Na hora de escolher uma atividade física, faça algo que você goste: Pode até parecer algo óbvio, mas quando pensamos “o que fazer para emagrecer“, temos que ter em mente que é preciso se matar uma esteira, mas o mais importante é encontrar prazer no que se faz, principalmente no início do processo.

Até porque a esteira não é o exercício mais recomendada para uma perda de peso efetiva.

Isso acontece porque ao escolher uma atividade, é provável que você a faça com mais freqüência se gostar do que faz. Assim, você evita encontrar motivos para não ir à academia, sair para correr ou fazer uma caminhada, o que muito provavelmente acontecerá em algum momento caso você opte por algo que não lhe dê prazer.

Ao aliar algo que goste com a “obrigação” de praticar uma atividade para queimar calorias, os resultados serão melhores, e perder peso não irá soar como algo negativo ou extremamente desgastante para você.

Aos poucos, você ganhará mais força e motivação, e se permitirá experimentar novos exercícios que poderão potencializar ainda mais a sua perda de peso.

O Que Tomar Para Emagrecer?

O Que Tomar Para Emagrecer?

Você sabe mesmo o que tomar para emagrecer? Neste post você encontra um guia que vai te ajudar a desvendar este mistério.

A ansiedade é um fator problemático para quem quer emagrecer, por isso muitas vezes as pessoas acabam desistindo de continuar seu processo de perda de peso por conta dos resultados. Mas é possível potencializar essa perda, sem perder o pique com dicas fáceis sobre o que tomar para emagrecer.

É preciso lembrar que mesmo sabendo que o emagrecimento efetivo só aconteça quando aliamos alimentação com exercícios físicos, podemos contar com a ajuda de alguns alimentos poderosos, que irão potencializar a perda de peso, fazendo com que os resultados apareçam mais rápido, e as chances de desistirmos no início, desapareçam.

Guia: O Que Tomar Para Emagrecer

Bebidas emagrecedorasAposte Nos Termogênicos

Todo mundo já conhece o poder dos termogêncios, mas muita gente acredita que esse alimento só pode ser usados em pratos sólidos, ou pior, que são apenas os chás que tem esse poder.

Apesar de muitos chás terem a função de acelerar o metabolismo, é possível que você use outros alimentos que também realizam o mesmo processo na hora de potencializar sua perda de peso, como a canela e o gengibre, por exemplo.

Por isso, basta que você escolha o alimento que gosta mais e o incorpore em sua dieta de forma mais efetiva, combinando-os com outros alimentos que irão te ajudar a reduzir as medidas mais rápido.

Utilize Os Ingredientes Certos

Água Com Limão

Em jejum, tome o suco de limão com água morna. Você irá notar como o seu apetite ficará controlado ao passar do dia, e você sentirá menos fome.

Água com limão

Para mais informações, leia o post Limão Emagrece – Veja Como.

Gengibre

Esta raíz é uma importante aliada para quem quer está em busca de um corpo mais enxuto.

Queridinho entre os adeptos de uma boa alimentação, ele ajuda a aumentar a temperatura do corpo, acelerando assim nosso metabolismo que passa a trabalhar mais para retomar a temperatura ideal do corpo, queimando assim mais calorias.

Além disso, o alimento é um importante anti-inflamatório e também ajuda no combate à celulite e turbina nosso sistema imunológico, nos prevenindo de resfriados e viroses, que podem fazer com que percamos importantes dias na academia.

Chá de gengibre

O Gengibre já é encontrado em pó e pode ser usado como tempero em sopas, carnes, frangos e até mesmo saladas. Outra forma de consumir a raiz é colocá-la em sucos cítricos e aumentar o gasto calórico e a eliminação de gorduras.

Aprenda aqui Receitas Com Gengibre Para Emagrecer.

Canela

Outra importante aliada do emagrecimento é a canela. Ela pode ser usada na hora de preparar a comida, chás, no mingau de aveia e até mesmo em bolos e tortas que levem farelo de aveia, ou tenha baixa quantidade de açúcar. A especiaria ajuda nosso corpo a não armazenar gordura, além de regular a produção de insulina, evitando os picos de glicemia que fazem mal ao nosso organismo e atrapalham a perda de peso.

Por ser também um termogênico, para acelerar o metabolismo e realizar o mesmo processo que o gengibre ao aumentar nossa temperatura. Na lista sobre o que tomar para emagrecer, o chá de canela, ou até mesmo o pó como tempero, auxilia ainda como um poderoso bactericida, é antioxidante e ainda melhora nossa flora intestinal.

Veja como preparar chás para emagrecer com a canela.

Água Gelada

Muita gente acredita que tomar um copo de água gelada em jejum “acorda seu metabolismo”, isso por conta do trabalho que nosso organismo realiza toda vez que tomamos algo muito gelado.

E é verdade. Ao tomar a água gelada, o organismo passa a trabalhar mais para deixar a bebida na temperatura certa para ser absorvida. Em resumo, a água gelada vai funcionar da mesma maneira que os termogênicos citados acima.

Sucos Para Emagrecer

Aprenda uma série de receitas de sucos, incluindo sucos verdes e sucos detox, que irão te ajudar a emagrecer com saúde. Visite a categoria Sucos Para Emagrecer.

Chás Para Emagrecer

Na categoria Chás para emagrecer, você aprende receitas bem práticas que ensinam o que tomar para emagrecer.

Sopas Para Emagrecer

As sopas também podem te ajudar e muito neste processo. Vá até a categoria Sopas Para Emagrecer, e tenha acesso a uma série de receitas gratuitas.

Este post com certeza deve ter tirado suas dúvidas sobre o que tomar para emagrecer, mas qualquer dúvida não deixe de comentar abaixo. Também não deixe de visitar os links das categorias recomendadas para aprender na prática como preparar estas bebidas emagrecedoras.

E agora que você já sabe o que tomar para emagrecer, veja o post O Que Comer Para Emagrecer: 10 Dicas De Alimentos