Como emagrecer na crise!

Como emagrecer na crise!

Aprenda como emagrecer na crise, ou seja, gastando pouco dinheiro, ou até sem sofrer qualquer alteração no seu orçamento, podendo este ser até mesmo reduzido.

Dietas da moda e aulas de ginástica com acompanhamento profissional podem fazer você pensar que emagrecer é algo caro. Mas há alternativas realmente baratas.

A idéia de que emagrecer custa caro é um mito. Algumas pessoas preferem acreditar que isso é verdade para tomar como desculpa para não iniciar uma dieta ou um plano alimentar mais saudável, tendo assim que abrir mão das pizzas, chocolates, e demais engordativos.

A decisão de perder peso é altamente emocional. Agora você está olhando para o futuro com um monte de esperanças e expectativas. Você está em uma ótima posição para começar a justificar alguns gastos. Qual o melhor investimento que você pode fazer do que em sua própria saúde? Certamente cada real que você gasta hoje será salvo em recompensas e prêmios de saúde e seguro de vida. Pense em todas as contas médicas que você vai economizar.

como

1. Programas online de exercícios

Exercícios em casa

Inclua os gastos de aptidão física em seu orçamento. É muito fácil justificar os gastos com fitness. Embora seja tão importante para entrar em forma, não é preciso destruir suas finanças em um esforço para entrar em forma.

Você não precisa desembolsar uma taxa mensal na academia para ficar em forma. Antes de se inscrever em uma, pergunte-se se existe uma forma de você praticar exercícios gratuitamente. Opções gratuitas incluem:

  • Caminhada / corrida. A caminhada é um dos exercícios mais simples, baratos e completos! Na verdade, ele pode sair até de graça caso você não opte pela compra de uma esteira ou utilize o aparelho da academia. Basta escolher um parque ou até mesmo um trajeto próximo a sua casa e colocar em prática. Alertamos para que se tome cuidado no momento de escolher o local, evitando locais isolados e com pouco movimento, ou que sejam conhecidos pela periculosidade.
  • Centros comunitários;
  • Sala de ginástica no local de trabalho ou no condomínio residencial.

Há uma série de grandes planos para ficar em forma. A maioria, no entanto, exige equipamento altamente especializado. No entanto, muitas vezes você pode usar os recursos em sua própria casa, como:

  • Latas de tinta ou mantimentos para trabalhar os bíceps. Você pode ainda encher garrafas usadas de areia, arroz ou feijão.
  • Use uma cadeira para trabalhar o tríceps.
  • Flexões podem ser feitas sem qualquer equipamento.

Você não precisa fazer isso pelo resto da sua vida. E se puder e preferir, também pode comprar os pesos em uma loja de equipamentos fitness.

Caso resolva entrar na academia, não faça um plano de longo prazo. No início, você pode pagar de mês em mês, até ter certeza que gosta e irá continuar.

Programas online valem mais a pena!

treinamento intervalado de alta intensidade é uma promessa para quem quer resultados mais rápidos com relação ao emagrecimento.

Se você está cansado de passar horas na academia, ou simplesmente não gosta, ou se você gostaria de obter resultados mais rápidos, com menos tempo de exercícios por dia, clique aqui e conheça um programa de emagrecimento incrível, que exige apenas 15 minutos por dia para alcançar um emagrecimento saudável e definitivo! E sem precisar de qualquer equipamento, podendo ser feito na sua casa, ou onde preferir.

2. Alimentação para perder peso

Prefira cozinhar suas próprias refeições. Ao invés de comprar refeições prontas e caras, que tendem a ser elevadas em calorias e conservantes, compre sua própria comida e prepare em casa.

Com algumas boas receitas e uma lista de compras, você pode fazer suas próprias e deliciosas refeições de baixas calorias. Há estudos que comprovam que planejar suas refeições para o dia todo, realmente ajuda a perder peso. Alimentos ricos em fibras, como frutas e verduras, e como feijão e grãos inteiros, ajudam a mantê-lo cheio e satisfeito por mais tempo, e são uma alternativa mais barata e mais saudável às proteínas não tão magras e aos grãos mais processados.

Faça seu próprio pacote de lanches de 100 calorias

Você pode separar de forma simples porções individuais de seus petiscos favoritos e saudáveis, como bolachas integrais, nozes, maçã, amêndoas, etc.

Embale estes lanches em recipientes reutilizáveis ou pequenos sacos zip-top.

A pipoca caseira pode ser uma ótima opção de lanche aqui também. As sementes da pipoca não custam caro, e você pode fazer até no micro-ondas, mas lembre-se de utilizar um recipiente apropriado. Coloque apenas 2 colheres de sopa de grãos de pipoca. Você pode usar uma pipoqueira de microondas, ou um saco de papel marrom, aqueles de pão. Se escolher esta opção, dobre várias vezes o saco para ficar bem fechado, e leve ao microondas por cerca de 5 minutos (ou menos, é só esperar até ouvir os estalos começarem a ficar menos frequentes). Três xícaras de pipoca contém 3 gramas de fibra e apenas 105 calorias, desde que você não adicione manteiga ou outros extras do tipo!

Tenha controle de tudo o que comer

Estudos mostram que escrever tudo que você come ajuda a perder mais peso. Você pode usar um caderno e lápis, uma agenda, um arquivo no computador, ou experimentar um dos muitos aplicativos de anotações para celular! A chave é escrever todos os dias tudo que você comer.

Isso o tornará mais consciente do que você está comendo, e te ajudará a controlar aqueles lanches sem sentido, que você procura fazer apenas por gula e não por necessidade.

Aposte nos vegetais

Os vegetais são ótimos para a perda de peso. Eles são baixos em calorias e ricos em água e fibras, duas coisas que o manterão satisfeito. Você pode até economizar dinheiro comprando aqueles que estão na época.

Legumes congelados podem ser um grande negócio. O congelamento preserva os nutrientes, e ajudam que você não desperdice comida.

As folhas verdes incluem couve, espinafre, acelga, alface, escarola, entre outras que você pode usar. Eles contem diversas propriedades que os tornam perfeitos em uma dieta para emagrecer.

Comer verduras é uma ótima maneira de aumentar o volume de suas refeições, sem aumentar as calorias.

Comer menos

Sim, claro, comer menos leva à perda de peso e redução de custos, especialmente se você cortar nas coisas certas.

Comece cortando suas porções de carnes caras, assim como os peixes e aves mais caros, e prefira os mais baratos. Uma porção ao dia é o suficiente, de um bife do tamanho da palma de sua mão.

As carnes também podem ser substituídas por outras proteínas vegetarianas mais baratas, como feijão, lentilha, tofu e ovos. E se você costuma levar marmita, coma metade de um prato principal e guarde a outra metade para o almoço do dia seguinte. Essa é uma maneira fácil de esticar o seu orçamento e talhar sua cintura.

Guloseimas como incentivo?

Ter um incentivo para alcançar seus objetivos de perda de peso pode certamente ser motivador, mas esses incentivos não precisam envolver doces e guloseimas.

Procure por alimentos que emagrecem

Alguns alimentos em específico vão te ajudar mais no processo de emagrecimento, seja por serem pobres em calorias, ou por conterem propriedades específicas que promovem a perda de peso, como a chia, o hibisco, a linhaça entre outros.

Vá as compras

A maioria dos nossos gastos é baseado no que temos a certeza que precisaremos no futuro.

Pense, por exemplo, sobre uma nova roupa de exercício. Quando você começar seu plano de fitness que provavelmente irá iniciar com uma caminhada casual, você realmente precisa de uma camisa de R$100,00 para caminhar e suá-la toda?

Compre apenas os itens mínimos, básicos e mais necessários no início, de uma vez, para não adiar o início das atividades.

Unidos na dieta

Um dos recursos mais poderosos que você tem para ajudar no emagrecimento é manter uma rede de amigos com o mesmo objetivo.

Encontre um amigo que também está tentando emagrecer, e que queira participar de uma ajuda mútua com você, em que um passa dicas para o outro, incentivos, e informações em torno de como emagrecer.

Um estudo de 2011 descobriu que, quando colegas foram colocados em dois grupos e competiram juntos pela maior perda de peso, eles perderam mais peso do que as pessoas que seguiram um plano de perda de peso sozinhos.

Conclusão

Realmente, emagrecer não é caro, muito pelo contrário! Pode ser muito mais barato do que se imagina no começo, principalmente se houver uma vontade inconsciente de não abandonar os doces, os fast foods, ou todos os outros engordativos.

Preparar lanches e refeições mais saudáveis e menos calóricas, não é difícil. Basta um pouco de boa vontade para mudar os hábitos antigos, e correr atrás da meta de emagrecimento.

Apostar em um programa de emagrecimento online é sem dúvida muito mais vantajoso do que ir para a academia. Além de proporcionar uma queima calórica mais rápida, estes programas fazem isso exigindo muito menos do seu tempo. Clique aqui para saber mais.

Referência: Monitor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *