Muito já se ouviu falar da Artrite Reumatóide, que nada mais é do que uma doença inflamatória crônica que é, na verdade, autoimune e afeta diretamente uma fina camada do tecido conjuntivo, conhecida como membrana sinovial.

Essa membrana está envolta nas articulações dos cotovelos, punhos, tornozelos, mãos, ombros, pés, e também na coluna cervical, além de envolver órgãos internos como os rins, o coração, e os pulmões.

A artrite e o corticóide
Artrite pode atingir também as mãos e os punhos.

O problema é que com o tempo a artrite reumatóide causa dores fortes e muito intensas, e em alguns casos fazendo com que seus pacientes percam os movimentos, ou tenham dificuldade de se movimentar, tudo por conta das alterações e deformidades nas articulações que acontecem com a progressão da doença.

Outra dificuldade é que nem sempre a pessoa descobre que tem a doença, ou demora para descobrir, já que os sintomas podem ser muito similares ao de uma ruptura ou luxação, ou até de uma simples rigidez muscular. Com isso, a pessoa passa a se sentir mais cansada, ter inchaço em áreas como pés, punhos e mãos, podendo ainda ter febre leve. Em alguns casos, a falta de apetite e a perda de peso também acontecem, e é ai que o sinal de alerta acende.

Tratamento De Artrite Reumatóide

Em alguns casos, o paciente tem que fazer o uso de uma substância que causa pânico entre quem precisa perder peso de forma efetiva (ou seja, eliminar gordura): o corticóide.

A substância que funciona para aliviar a dor crônica faz com que o inchaço e acúmulo de líquidos seja maior, e a balança dispara já no início do tratamento.

Mas o que muita gente ainda não sabe é que é possível sim emagrecer de forma efetiva, mesmo com artrite reumatóide. Para isso, basta fazer o uso de gengibre, um importante analgésico que melhora o quadro de dor da artrite e que ainda consegue acelerar o metabolismo, e ajudar a perder peso.

O Gengibre E Seus Benefícios

A raíz do gengibre é usada há séculos como um produto que pode ser eficiente no combate a dores, mas o que os antepassados não sabiam é que o gengibre atua nas inflamações por meio de 12 compostos, que atuam nos receptores da dor, fazendo com que a gente sofra menos com os efeitos dessa doença.

Os efeitos do gengibre no corpo são os mesmos que alguns medicamentos como a aspirina e o ibuprofeno provocam, mas sem apresentar os efeitos colaterais que essas substâncias costumam causar. Além disso, o gengibre pode ser usado como um alimento a mais no combate a artrite, que fará com que você reduza as quantidades de corticóide e que até mesmo pare de usar o remédio ao longo do tempo.

Por acelerar o metabolismo, o gengibre também possibilita que você consiga queimar gordura de forma efetiva. Por ser um produto altamente diurético, o gengibre ainda possibilita a eliminação de líquidos que foram retidos durante o período do uso do corticóide.

A raíz ainda atua de forma direta no sistema imunológico, que é afetado pela doença, reforçando o efeito do gengibre de forma mais eficaz. Por isso, o alimento é muito utilizado em dietas e também em tratamentos coadjuvantes da artrite reumatóide.

O gengibre ainda é plural em seu consumo e pode ser consumido como chá, tempero ou até mesmo em pó, podendo ser misturado em vitaminas, sucos e em alguns caldos.

Como Fazer O Chá De Gengibre

Para fazer o chá basta adicionar 5 rodelas finas da raíz de gengibre em uma garrafa de água, que pode ser consumida quente ou gelada.

Para quem ainda faz a ingestão dos famosos suco detox, uma pequena lasca do gengibre pode potencializar o suco e fazer com que você emagreça de forma mais eficaz.

Este Artigo Te Ajudou?