Se você pensa que é só a vida da mulher que passa por uma série de transformações com a chegada dos filhos, saiba que os homens também tem sua fase de mudanças.

Um estudo realizado concluiu que os homens tendem a ganhar peso ao tornarem-se pais. Assim como outros estudos que já reveleram que eles também engordam com o casamento.

estudo sobre emagrecimento

A pesquisa também descobriu que novos pais têm um aumento nos sintomas de depressão nos primeiros anos após o nascimento do filho.

O Estudo

O estudo foi realizado por pesquisadores da Universidade de Northwestern, nos Estados Unidos, que na verdade objetivava simplesmente analisar a forma como a paternidade afeta o IMC, um marcador biológico importante para a saúde humana. Mas como consequência, foi também observado que ser pai aumenta o peso do indivíduo.

Ao longo da pesquisa, foram acompanhados mais de 10 mil homens, da adolescência até a idade adulta, durante um período de 20 anos.

Eles foram divididos em: não-pai, pai que mora com o(s) filho(s), e pai que não mora com os filhos.

Conclusão

A conclusão do estudo foi que, homens de 1,82 metros que mora com seu filho, ganhou em média 2 kg após a paternidade. O pai com a mesma altura, mas que não vive com o filho, ganhou cerca de 1,5 kg desde o nascimento da criança.

Esse é um aumento de 2,6% no índice de massa corporal (IMC) de pais residentes e um aumento de 2% no IMC de pais não residentes. Ao contrário dos pais, os homens sem filhos perderam 650 gramas no mesmo período.

Provavelmente outros fatores além do IMC poderíam contribuir para o ganho de peso, e então foram analisados também informações como a raça, idade, escolaridade, renda, atividade diária e estado civil.

Com a formação de uma família as responsabilidades mudam e aumentam, e pode ser natural uma mudança na alimentação nesta fase. O tempo para cuidar de si mesmo se torna mais escasso. Crianças adoram biscoitos, sorvetes, e guloseimas. E os adultos, no intuito de agradá-los, acabam se empanturrando de besteiras.

A pesquisa também descobriu que novos pais têm um aumento nos sintomas de depressão nos primeiros anos após o nascimento do filho.

Fonte: Exame