Óleo de cártamo emagrece? Entenda como ele funciona, e que benefícios oferece.

Conhecido como o grande aliado de uma barriga chapada e zero de gordura, o produto vem atraindo cada vez mais consumidoras e se tornou um importante meio de potencializar o processo de emagrecimento.

A perda de peso acontece graças a dois importantes ácidos:

  • O linoléico (também conhecido como ômega 6);
  • E o oléico (que costumamos chamar de ômega 9).

De acordo com especialistas, esses dois ácidos são capazes de tornar a perda de peso mais rápida, além de trazer uma série de outros benefícios para nossa saúde.

Potencializador de queima de gordura.O Que É Óleo De Cártamo?

A planta Asiática tem sua semente muito similar à do girassol, e já é muito usada na culinária oriental. No Brasil ela chegou como óleo, que é extraído das sementes, e atua diretamente nas regiões do corpo todo onde a gordura fica localizada.

O óleo de cártamo é composto de 70% de ômega 6 e 30% de ômega 9. O primeiro age como catalisador de gordura boa. Funciona assim: no nosso corpo temos dois tipos de gordura, a marrom e a branca. A primeira é responsável por manter nossos órgãos vitais aquecidos e a segunda é a gordura como conhecemos, que se acumula, entope vasos e artérias, e faz muito mal à nossa saúde.

Com a ajuda do óleo de cártamo, a gordura marrom começa a se agitar mais, gerando mais calor para nosso corpo, com a queima dessa gordura, nosso corpo começa a buscar a energia necessária para manter os órgãos aquecidos em regiões onde a gordura branca fica localizada, como culote, barriga, coxas e braços.

Já o ômega 9, também presente no alimento, atua diretamente na produção do cortisol, que é o responsável por queimar a gordura que fica concentrada na barriga, por exemplo. Com isso, é possível queimar a gordura de forma mais efetiva, e ainda esculpir a cintura deixando ela bem mais fina. Afinal, esse hormônio regula o consumo da glicose, e está diretamente ligado à sensação de saciedade, fazendo também com que se sinta menos fome.

O Que Diz A Ciência

Cientistas estadunidenses estudaram o óleo para descobrir quais benefícios ele traz para nosso corpo e saúde. A pesquisa, realizada na Universidade de Ohio, mostrou que o cártamo faz a produção de adiponectina aumentar em nosso organismo. Com isso, nós passamos a absorver menos colesterol, assim como diminuir a quantidade de gordura que nosso intestino também absorve.

O óleo de cártamo ainda consegue atuar diretamente nas células de gordura, fazendo com que elas murchem, além de dificultar que novas células desse tipo se formem em nosso organismo.

Entre outros benefícios ainda estão a redução de apetite, devido ao aumento da leptina; o combate a celulite, já que o óleo ainda tem propriedades antiinflamatórias; diminuição do inchaço; prevenção do envelhecimento, por conta dos antioxidadentes presentes na vitamina E; e também a melhora dos níveis de colesterol ruim.

Outros especialistas ainda afirmam que, ao ser consumido em paralelo a uma prática de atividade física, os benefícios do óleo de cártamo são potencializados, e os resultados aparecem mais rápido em nosso corpo. Vale lembrar que o óleo, apesar de não ter contraindicação, deve ter seu consumo orientado por um profissional, já que o exagero pode acabar tornando seu programa de emagrecimento ineficaz. Por isso, não exagere na dose e procure um endocrinologista ou nutricionista para saber como você deve utilizá-lo da melhor forma possível.

É também importante combinar a ingestão do óleo ou qualquer outro potencializador de queima de gordura á prática de exercícios físicos, e a uma alimentação mais equilibrada.