A dose diária de vitamina E varia de acordo com a idade e o sexo de cada um. O nutriente tem poder antioxidante e é também muito usado para prevenir o câncer de próstata.

O Conselho Nacional de Investigação dos Estados Unidos da América afirma que o recomendado é que um homem adulto ingira em média 20 mg da vitamina, mas algumas instituições indicam um valor menor de consumo. Já nas grávidas esse número pode ultrapassar os 30 mg (já que previne a pré-eclâmpsia).

Emagrecer com vitamina E

Já o Institute of Medicine of The National Academies revela que a quantidade de vitamina E recomendada para bebês de até 6 meses é de 4 mg por dia. De 7 a 12 meses o ideal é que o consumo suba para 5 mg, e para crianças de 1 a 3 anos o ideal são 6 mg.

Entre os 4 e 8 anos, o ideal é o consumo de 7mg de vitamina E diariamente, e a quantidade se eleva para 11 mg quando as crianças tem de 9 a 13 anos. Adolescentes e adultos devem consumir 15 mg, já as lactantes devem ter um consumo de 19 mg por dia.

A vitamina E e o emagrecimento

A vitamina E trabalha em conjunto com a vitamina K na hora de produzir células essenciais para a saúde e criação dos músculos, as células vermelhas do sangue. Essa função permite que a criação de massa magra seja mais eficiente e quanto mais músculos no corpo, maior é a queima calórica.

Leia também: Como Emagrecer Com Vitaminas.

No entanto é preciso que uma rotina diária de exercícios físicos seja implantada por quem quer perder peso, já que só assim a construção muscular aumenta.

Essa vitamina também tem uma importante ação antioxidante, que combate os radicais livres no organismo, prevenindo também a degeneração das células e reduzindo os riscos de doenças degenerativas e enfermidades cardiovasculares.

A ação antioxidante nas células também previne inflamações que podem acontecer no nosso organismo, e que podem acabar com o processo de emagrecimento, causando até mesmo a retenção de líquidos.

Benefícios da vitamina E

O The New England Journal of Medicine publicou um estudo que mostra que a vitamina E, tanto em mulheres quanto em homens de meia idade, conseguem ter uma redução significativa no desenvolvimento de doenças coronárias.

Além disso, alguns especialistas também afirmam que essa vitamina é importante para a saúde do coração já que melhora toda a função cardíaca ao relaxar os vasos sanguíneos, fazendo assim com que a formação de substâncias que podem obstruir o caminho seja menor.

Já na prevenção do câncer de próstata, uma pesquisa publicada no The National Câncer Institute demonstrou que homens que são fumantes e usam a suplementação de vitamina E conseguem ter resultados mais satisfatórios no quesito prevenção.

A vitamina E também é usada na prevenção da doença de Alzheimer, degeneração da mácula e também da Esclerose Lateral Amiotrófica.

Onde encontrar a vitamina E

As fontes de vitamina E são normalmente os óleos, mas alguns alimentos também podem fazer parte da dieta de quem quer aumentar as doses dessa substância. Além disso, é possível também encontrar alguns tipos ativos de vitamina E, como de alfa-tocoferol.

Entre os alimentos com boa concentração de vitamina E estão a semente de girassol (torrada ou seca), o óleo de gérmen de trigo, óleo de girassol, óleo de cártamo, amêndoa seca e torrada, amendoim que também pode ser torrado ou seco, e também a avelã.

Já os suplementos de vitamina E só podem ser consumidos com orientação médica, já que o excesso dessa vitamina pode enfraquecer os ossos. Isso porque a produção de osteoclastos aumenta. Por isso, consulte sempre um médico e faça um check up regularmente.